Pós-graduação em Políticas Culturais de Base Comunitária – FLACSO-IberCultura Viva –

A apresentação do regulamento do edital de bolsas para Pós-Graduação em “Políticas Culturais de Base Comunitária”, previsto para ser lançado no dia dez de dezembro de  2017, foi um dos temas tratados durante a 8ª Reunião do Conselho Intergovernamental Ibercultura Viva, realizada em Quito, no Equador, na última terça-feira (21/11/2017). A Faculdade Latino-americana de Ciências Sociais (Flacso), da Argentina, irá sediar  a coordenação do curso, que será ministrado pela internet. A proposta é oferecer uma formação em políticas culturais de base comunitária para agentes públicos de Cultura em todas as esferas governamentais e também para integrantes de organizações da sociedade civil. O curso terá duração de nove meses.

Outros assuntos tratados durante o encontro em Quito foram os planos de atuação anual (2018)  e  estratégico trianual (2018/2020) da entidade, que preveem, entre outras coisas, a prestação de assistência técnica a partir de intercâmbio de agentes governamentais; o fomento a pesquisas sobre políticas culturais de base comunitária; o apoio à realização de encontros e circuítos da Rede de Pontos de Cultura e da Rede Cultura Viva Comunitária, ou equivalentes; a construção de um marco regulatório e um plano de ação para a Rede de Cidades Ibercultura Viva.

O encontro contou com a presença de representantes governamentais de oito países ibero-americanos: Argentina, Brasil, Costa Rica, Equador, El Salvador, Guatemala, Peru e Uruguai. A secretária da Cidadania e da Diversidade Cultural, Débora Albuquerque, e a coordenadora-geral de Promoção da Cidadania e da Diversidade Cultural, Renata Machado, representaram o Ministério da Cultura brasileiro na reunião.

Veja aqui mais informações sobre o encontro

Veja também como foi o 2º Encontro de Redes IberCultura Viva, realizado em Quito, nos dias 22 e 23 de novembro.